top of page

Médicos encontram corda de pular enrolada dentro da bexiga de paciente



Um homem de 79 anos surpreendeu médicos após chegar ao hospital reclamando de dores ao urinar. Depois de realizar exames de imagem para verificar a origem do desconforto, a equipe médica se assustou ao ver que o paciente tinha uma corda de pular de 2,3 metros na bexiga.


O relato do caso, que ocorreu no Japão, foi publicado na revista médica Urology Case Reports. O paciente admitiu ter inserido a corda pela uretra antes de os profissionais da saúde a removerem cirurgicamente. Ele não explicou o motivo, mas os médicos acreditam que a intenção era satisfação sexual.


O objeto havia ficado enrolado na bexiga do paciente, de modo que a intervenção cirúrgica foi a única forma de retirá-lo. Os profissionais de saúde fizeram uma pequena incisão na região do abdômen para retirá-lo do corpo do homem.


Apesar de a corda ter ficado extremamente comprimida na região abdominal do idoso, o paciente não sofreu nenhuma complicação.


“Primeiro realizamos um ultrassom e identificamos um objeto grande na bexiga do paciente. Depois fizemos um raio-x, que revelou um corpo estranho enrolado em forma de fio. Em seguida, fizemos uma tomografia que nos ajudou a escolher o melhor jeito de tirar a corda e usamos um programa de computador em 3D para nos direcionar. Percebemos que seria impossível puxar a corda pelo pênis”, disse Toshiki Kijima, professor de urologia na Dokkyo Medical University, autor do relatório publicado no periódico.


O médico explicou que, geralmente, ferramentas como fórceps são utilizadas para retirar corpos estranhos do corpo. Mas quando há qualquer tipo de fio inserido na bexiga, ele vai enrolando quando a bexiga é contraída e, por isso, é preciso um procedimento mais delicado.


Apesar de o homem não ter apresentado complicações após inserir a corda através do pênis, os profissionais de saúde alertam que introduzir objetos no corpo para satisfação sexual é muito arriscado.


Fonte: Metrópoles

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page