top of page

Lavagem nasal alivia sintomas da seca. Aprenda a fazer



Conforme a seca se intensifica, aumentam sintomas como ardência no nariz e na garganta e dor ao respirar. Feridas internas, sangramento nasal e alergias também se tornam mais comuns.


O nariz seco fica mais sensível aos vírus, bactérias e outros agentes alérgicos, explica o médico Vital Fernandes Araújo, do Núcleo Gabriel Almeida, de Salvador (BA). Para evitar isso, ele sugere que as pessoas adotem a lavagem nasal em sua rotina de higiene.


O método de higiene para o nariz, que cresceu durante a pandemia de Covid-19, deve ser feito pelo menos três vezes por dia com soro fisiológico a 0,9%, que tem pH mais próximo do encontrado na mucosa nasal. A água não deve ser utilizada nesses casos.


Veja como fazer a lavagem nasal:


  1. Coloque um pouco de soro 0,9% dentro de uma seringa sem agulha;

  2. Injete o conteúdo da seringa numa narina de forma que o líquido passe por toda cavidade nasal;

  3. Espere sair todo o soro na outra narina;

  4. Repita o processo na outra cavidade.


Durante a lavagem, é importante manter a respiração pela boca. Quem quiser amornar o soro para o ato ficar mais confortável, pode fazê-lo. Porém, é preciso ter cuidado para não esquentar demais e provocar queimaduras.


Soro caseiro também pode ser usado


Quem não tem soro fisiológico em casa, pode fazer o procedimento com soro caseiro. “Basta a pessoa ferver 250ml de água filtrada, juntar uma pequena colher de sal e outra, de mesma quantidade, de bicarbonato de sódio. Depois, só esperar amornar e fazer o procedimento”, ressalta Vital.



Fonte: Metrópoles

9 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page