Cientistas desenvolvem teste RT-PCR que identifica variantes por cores


 
 

Pesquisadores da Rutgers New Jersey Medical School, faculdade de medicina nos Estados Unidos, desenvolveram um teste do tipo RT-PCR capaz de identificar rapidamente a variante causadora da Covid-19 em pacientes. Os testes atuais são feitos para verificar apenas a presença do material genético (RNA) do vírus Sars-CoV-2, mas não podem identificar variantes específicas.


O novo modelo usa sondas especiais que mudam de cor de acordo com o o tipo do material coletado nas amostras de secreção respiratória, segundo contam os pesquisadores em um artigo publicado na última sexta-feira (21/1), na plataforma medRxiv, ainda sem revisão por pares.


As sondas, chamadas de “sloppy molecular beacons”, brilham em cores diferentes quando se ligam ao DNA ou RNA do vírus.


De acordo com o autor do estudo e chefe da divisão de doenças infecciosas da faculdade, David Alland, como as variantes têm algumas sequências únicas, elas podem ser identificadas com base no padrão de mudanças de cor em cada temperatura.

“Realizamos um estudo clínico que mostrou que o ensaio é 100% sensível e 100% específico para identificar variantes de preocupação, incluindo Delta e Ômicron”, afirmou Alland.

Os cientistas acreditam que o teste ajudará os médicos a escolherem os tratamentos de anticorpos mais eficazes para a infecção. Eles esperam agora que o Departamento de Saúde de Nova Jersey autorize o uso do teste pelos laboratórios do estado.


Fonte: Metrópoles

12 visualizações0 comentário