top of page

Cerclagem uterina: entenda como funciona a cirurgia realizada na influencer Ary Mirelle



Grávida de João Gomes, a influenciadora Ary Mirelle passou por uma cerclagem uterina de emergência nesta quarta-feira. O procedimento consiste na costura do colo do útero para reduzir o risco de parto prematuro. A influenciadora de 22 anos está grávida de 27 semanas e recebeu alta hospitalar na manhã desta quinta-feira.

A cerclagem uterina de urgência é indicada para mulheres com insuficiência cervical, ou seja, a incapacidade da mulher de sustentar uma gravidez a termo devido a um defeito funcional ou estrutural do colo do útero. A abertura e o encurtamento do colo do útero são fatores que podem provocar parto prematuro ou aborto espontâneo.

A indicação é que a cerclagem seja realizada entre 12 e 16 semanas de gestação. Casos como o de Ary são considerados emergenciais.

Pelas redes sociais, a influenciadora anunciou que a cirurgia foi bem-sucedida e comemorou a saúde dela e do filho. “A cirurgia deu certo, graças a Deus eu e Jorge estamos bem”. Na postagem, ela também agradeceu o namorado, o cantor João Gomes. “Obrigada, meu amor, por não ter soltado minha mão e não ter parado de falar um segundo”, escreveu. Embora seja considerado um procedimento de baixo risco, é indicado que a gestante fique em observação.

No caso de Ary, foi monitorado o risco de contrações e sangramentos. Depois da alta, a indicação é de repouso e pode incluir a necessidade de abstinência sexual. Além disso, consultas de acompanhamento pré-natal devem ser realizadas normalmente para acompanhar a condição da cerclagem.


Fonte: O Globo

11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page