top of page

Anvisa apreende versões falsificadas de suplementos alimentares; veja lista e como identificar



A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a apreensão e a proibição de fabricação, distribuição, comercialização e propaganda de itens falsificados dos suplementos alimentares COQ-10 200mg; KRILL VIT; ÔMEGA 3 - EPA DHA e OMEGAFOR VISION, todos da marca Vitafor (Vida Forte Nutrientes Indústria e Comércio de Produtos Naturais Ltda.).

A autarquia publicou a resolução no Diário Oficial da União nesta quinta-feira. Em nota, ela explica que a própria empresa responsável pelos produtos comunicou à agência a identificação de itens falsos circulando no mercado, sendo divulgados e comercializados em diversas plataformas eletrônicas de venda.

Foram disponibilizadas imagens para que seja possível identificar o produto falso, em comparação com o original. “Para saber diferenciá-los, é necessário ficar atento às características das embalagens e dos rótulos, pois, em algumas situações, as diferenças podem ser sutis. Há diferenças também nas características das cápsulas”, alerta a Anvisa. Confira abaixo como identificá-los: 1 - COQ-10 200mg A Anvisa explica que a principal diferença é que a Coenzima Q10 da Vitafor original (COQ-10 200mg) é apresentada em cápsulas gelatinosas moles na cor laranja. Já as versões falsificadas são cápsulas duras ou gelatinosas moles em outras cores.

Além disso, o frasco do produto falsificado é mais brilhoso que o do original, e o rótulo do produto falsificado possui letras em tamanho maior. Na embalagem do item falsificado, também é possível observar informações sobre lote e validade no rótulo lateral, enquanto o original apresenta essas informações na parte de baixo. 2 - KRILL VIT A diferença do KRILL VIT também está na cor das cápsulas. O original é apresentado em cápsulas gelatinosas pretas. Já o falsificado, em cápsulas duras de cores diferentes. O frasco do produto falsificado também é mais brilhoso que o do produto original, e tem um rótulo com uma tonalidade de azul mais clara. 3 - ÔMEGA 3 EPA DHA Com o ÔMEGA 3 EPA DHA, porém, as cápsulas gelatinosas são transparentes em ambos os produtos. Por isso, a identificação deve ser feita por outros fatores. A tampa do rótulo original, por exemplo, é azul- escura, mas o falsificado tem a tampa na cor branca.

As informações nutricionais da embalagem também são diferentes: no produto original, são coloridas enquanto, no item falsificado, são em preto e branco. Na frente do rótulo há ainda diferenças em relação ao nome do suplemento, que no original aparece na horizontal. Na versão falsificada, está na vertical. O que fazer A agência sanitária orienta que quem tiver adquirido um produto falsificado, ou esteja em dúvida, entre em contato com a fabricante do item original, a Vitafor, pelo e-mail sac@vitafor.com.br.

Além disso, a Anvisa "solicita aos serviços de saúde que, caso ​identifiquem unidades com essas características de falsificação, não utilizem os produtos e comuniquem o fato à Agência, pelos Canais de Atendimento https://www.gov.br/anvisa/pt-br e pelo https://falabr.cgu.gov.br/, ou às Vigilâncias Sanitárias (Visas) locais, por meio dos canais disponíveis para consulta no portal da Anvisa: https://www.gov.br/anvisa/pt-br/assuntos/snvs/contatos-vigilancias-sanitarias".


Fonte: O Globo

2 visualizações0 comentário
bottom of page