top of page

Pomada de cabelo leva mais de 130 mulheres a hospital do Rio



A Secretaria municipal de Saúde do Rio de Janeiro emitiu novo alerta, durante as festas de fim de ano, para o uso de pomadas de cabelo que têm causado cegueira temporária. Em menos de 12h, 130 mulheres estiveram no Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro da cidade, relatando o problema.


De acordo com a oftalmologista Anna Beatriz Simões, que atende na instituição de saúde, os efeitos adversos são causados por produtos diferentes.


Contudo, a maioria das pacientes afirma ter tido contato com pomadas para modelar penteados e tranças das marcas Studio Hair e Ômegafix. A última está sendo investigada desde março pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).



De acordo com a especialista, o verão é a época do ano em que há uma “explosão de casos” de cegueira temporária causada pelos produtos capilares. Às vésperas do Réveillon, a médica pede que as pessoas estejam atentas aos salões de beleza que frequentam e evitem tocar os olhos.


“As tranças são feitas durante o ano todo, mas há um aumento da utilização desse tipo de penteado em eventos como Natal, Ano-Novo e Carnaval. Como no verão é mais comum ir para a praia, piscina, e as pessoas suam mais, é possível notar que há uma explosão nos casos”, afirma.

Além da perda temporária de visão, as pacientes relatam forte ardência nos olhos, lacrimejamento intenso, coceira, inchaço, vermelhidão e dor de cabeça.


Medidas de precaução


A orientação da oftalmologista é de que as pessoas redobrem a atenção e procurem salões de beleza sérios e que usem produtos regulamentados pela Anvisa.


Simões indica ainda que homens e mulheres que trançaram os cabelos redobrem os cuidados durante o banho, para evitar que a água escorra para os olhos, e não mergulhem na praia ou em piscinas.


Em fevereiro, um caso aconteceu com Lorena Fialho, 5 anos. A mãe havia trançado os cabelos da filha com o auxílio de uma pomada. No mesmo dia, a criança brincou na piscina e, logo depois, relatou à mãe intensa ardência nos olhos.


Recomendações


A Anvisa solicita que efeitos indesejados à saúde ocasionados por produtos de trançar e modelar o cabelo sejam comunicados à agência. O órgão também apresentou algumas recomendações de uso para este tipo de cosmético:


  • Faça o uso apenas de produtos regularizados pela Anvisa;

  • Consulte com o fornecedor do produto algumas informações específicas sobre medidas preventivas recomendadas para o uso;

  • Busque opções de produtos cosméticos naturais;

  • Atente-se para a lavagem das mãos, sempre que fizer uso do produto;

  • Respeite sempre as instruções do fabricante/importador quanto às condições de uso dos produtos;

  • Respeite a data de validade do produto.


Fonte: Metrópoles

11 visualizações0 comentário

Yorumlar


bottom of page