top of page

Com cirurgia revolucionária, italiano pode recuperar uso da mão com nervo do pé; entenda



Um homem de 55 anos, vítima de um acidente de trânsito, pode recuperar o movimento da mão depois de uma cirurgia pioneira realizada por uma equipe médica em Turim, na Itália. O procedimento consistiu no transplante de um nervo da perna do paciente - parcialmente amputada por causa da batida - para a mão.


A operação foi realizada no Hospital Municipal de Turim e envolveu dois times de especialistas que trabalharam durante 12 horas. Eles transferiram parte do nervo ciático do homem, que controlava o movimento do pé amputado, para o plexo braquial, rede de nervos que conecta a medula espinhal a ombro, braço e mão. Paolo Titolo, um dos médicos que realizou a cirurgia, explicou à Reuters, em vídeo postado nas redes sociais, que foi “a primeira vez que alguém transferiu um componente do nervo ciático para o plexo braquial”.


O paciente, Marcelo Gaviglio, sofreu uma batida há cinco anos enquanto dirigia para o trabalho. Os danos sofridos no plexo braquial o deixou incapaz de movimentar as mãos. Os resultados da cirurgia só poderão ser verificados em cinco meses, quando Gaviglio completar a fisioterapia pós-operatória.


"Nós acreditamos que esta cirurgia é pioneira porque, se funcionar, mostra que a plasticidade cerebral também pode controlar outras partes do corpo que não prevíamos e abre novos campos no estudo neurológico", relatou Titolo.


Embora cirurgias de nervos não sejam novas, esta foi a primeira que médicos transferiram um nervo que controla o pé para uma área que controla a mão. O paciente contou que não sabia da inovação que presenciou.


"Não pensei de imediato que fosse a primeira cirurgia desse tipo no mundo, mas sabia que podia contar com um time de médicos muito bom e que conseguiria mexer minha mão novamente um pouco."


Fonte: O Globo

3 visualizações0 comentário
bottom of page