Vereador pede cassação da licença do médico goiano que participava da rinha de cães em SP

Nesta terça-feira, 17, o vereador Zander Fábio (Patriotas) apresentou na Câmara Municipal uma moção de repúdio referente a participação do médico goiano Leônidas Bueno Fernandes Filho na rinha de cães da raça pitbull promovida em São Paulo, no município de Mairiporã. O documento pede ao Conselho Regional de Medicina que afaste o profissional e casse o seu registro.

Cerca de 19 cães foram resgatados em uma chácara, onde veterinários, médicos, um policial militar e estrangeiros instigavam brigas entre os animais. Zander declarou que é inadmissível que um animal sofra esses maus tratos. “Passavam carne fresca no dorso dos cães enquanto eles ficavam dois dias sem comer e colocavam pimenta líquida nos olhos e órgãos genitais, para que os mesmos pudessem matar uns aos outros. O cão que era morto, depois de tudo isso, era uma parte servida para os próprios animais e a outra parte era dividida em churrasco para as própria pessoas” ressaltou o parlamentar.

Dos 41 presos pelo crime, apenas Djoy Paxiuba Oliveira Lucena Rodrigues, apontado como organizador, teve a prisão mantida pela Justiça após a audiência de custódia no Fórum de Guarulhos realizada nesta segunda-feira,16. Segundo a Polícia Civil, o veterinário e o médico eram responsáveis por reanimar os cães machucados durante as lutas, para que continuassem a briga.

A “rinha” era combinada através de um grupo no aplicativo de WhatsApp. Os suspeitos vão responder por associação criminosa e maus-tratos contra animais, além de ter o agravante de morte e jogos de azar.

Fonte: Jornal Opção

#cães #rinhadecães #sãopaulo

1 visualização

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Facebook
  • Instagram