The Good Lab, série da Netflix com Gwyneth Paltrow, é classificada por profissionais da saúde como &

Antes mesmo de estrear, a série The Goop Lab, promovida pela atriz Gwyneth Paltrow (a Pepper Potts de Vingadores: Ultimato) está dando o que falar.

Com tratamentos alternativos para doenças, a série está incomodando profissionais da saúde, que estão classificando a produção como “perigosa”.

Irresponsabilidade?

A obstetra Jennifer Gunter criticou a série The Goop Lab em uma entrevista ao programa Today Show. A médica já é uma crítica antiga da Goop, empresa de Gwyneth Paltrow que motivou a criação da série da Netflix.

“Me escutem. Ideias médicas que são ‘assustadoras demais’ deveriam, você sabe, ser estudas antes de serem oferecidas para as pessoas como uma opção”, revelou.

“São algumas informações legais apresentadas no meio de coisas não-científicas, não comprovadas e terapias potencialmente nocivas, tudo por atenção, com a desculpa de ‘Estamos tendo apenas conversas!’”, disse a médica.

O seriado é focado em temas que envolvem a saúde e o bem-estar. Não apenas o prazer feminino será abordado, mas também formas de terapias alternativas.

“Goop Lab com Gwyneth Paltrow é uma série em seis episódios que explora temas inovadores sobre saúde e bem-estar, como: terapia psicodélica, crioterapia, prazer feminino, terapias antienvelhecimento, terapia energética e mediunidade”, diz a descrição da Netflix.

The Goop Lab estreia na Netflix no dia 24 de janeiro.

Fonte: Observatório do Cinema

#GwynethPaltrow #perigosa #netflix #TheGoodLab #série

4 visualizações

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Facebook
  • Instagram