Tati Minerato vai processar médico acusado de erro: “Tive medo de morrer”



Tati Minerato revelou que irá processar o cirurgião plástico que fez uma operação nela no dia 18 de maio deste ano. A informação foi dita durante entrevista à Quem. Após a intervenção cirúrgica, Tati teve uma infecção generalizada.


“Minha cirurgia aconteceu no dia 18 de maio. Procurei o médico Felipe Tozaki para trocar as minhas próteses de silicone e aproveitei que iria fazer a cirurgia e pedi também que ele fizesse uma pequena lipo na região das costas e uma retirada pequena de hidrogel que foi colocado em 2013”, lembra a musa do Carnaval.


De acordo com Tati, a operação custou R$ 14 mil e foi paga à vista. Dez dias após a intervenção, abriu um buraco em cada um dos seios. “Tentei por quase 20 dias o tratamento com o médico que fez a cirurgia plástica, mas ele próprio só fez as coisas piorarem. Por isso tive que buscar ajuda de uma outra profissional e logo depois fui internada”, lembra.


A digital influencer afirma, ainda, que temeu perder a vida. “Eu rezava todos os dias. Tive muito medo de morrer. E me arrependi de ter procurado esse péssimo médico“, diz.


Ainda segundo Tati, as complicações em decorrência da cirurgia a impediram de participar de A Fazenda. “Ainda não consegui contabilizar meu prejuízo e quanto foi gasto com meu tratamento, poque envolve várias coisas… Mas tive dano estético, profissional, emocional e psicológico”, afirma.


Hoje, quatro meses após a infecção, ela conta que tenta retomar a vida. “Ainda faço acompanhamento com a minha médica infectologista. Aos poucos, tudo está voltando ao normal, graças a Deus. No momento estou reorganizando a minha vida e estudando duas propostas de novos projetos profissionais”, contou.


Fonte: Metrópoles

4 visualizações

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Instagram