Secretaria de Saúde do DF mantém suspensão de cirurgias eletivas



A Secretaria de Saúde do Distrito Federal prorrogou a suspensão das cirurgias eletivas até a próxima segunda-feira (26/4). O cenário será reavaliado novamente após o término do prazo, para definir se os procedimentos permanecem desautorizados ou se poderão ser retomados.


Na última segunda-feira (19/4), o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, e o secretário adjunto de Assistência à Saúde, Petrus Sanchez, assinaram a circular na qual determinam a manutenção da suspensão, em razão do agravamento da pandemia da Covid-19.


As cirurgias eletivas são aquelas que podem ser postergadas por até 1 ano sem causar grandes problemas ao paciente. Segundo o documento, porém, ainda podem ser realizados os procedimentos cirúrgicos oftalmológicos, oncológicos, cardiovasculares, transplantes e aqueles que foram judicializados.


Os gestores levaram em consideração o alto índice de ocupação dos leitos de UTI para pacientes com Covid-19 e a taxa de transmissão da doença, que estava em 0,95, no último domingo (18/4).


Fonte: Metrópoles

3 visualizações0 comentário