Para animar equipe, profissionais de saúde dançam e fingem tocar instrumentos durante plantão; vídeo


Profissionais da saúde que atuam na linha de frente no combate à pandemia da Covid-19 fizeram um vídeo divertido dentro do Hospital Geral de Palmas (HGP). Segurando objetos usados no trabalho, elas brincavam de reproduzir sons de instrumentos musicais. As mulheres contam que a performance feita dentro da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade animou funcionários e pacientes (Assista abaixo).


Uma das mulheres que aparece no vídeo é a enfermeira Renata Olívia de Souza. Ela conta que decidiu fazer a dança com três técnicas em enfermagem na madrugada desta sexta-feira (4) após ver a equipe desanimada por conta de casos graves e mortes por coronavírus. "Tivemos um dia difícil da UTI e temos um histórico grande de perdas entre pacientes e colegas. Alguns pediram pra sair, outros nós perdemos pra Covid-19. Estava um dia pesado e minha equipe estava triste, trabalhando cabisbaixa e tensa. Fiz isso para ver se animava a equipe e deu certo", contou Renata. Para parecer uma banda, cada técnica de enfermagem pegou um material. Uma delas brincava de reproduzir o som de uma sanfona e, para isso, abria e fechada um fichário de prontuário contendo informações sobre pacientes internados. A outra usava um suporte para soro e imitava uma guitarrista e a terceira segurava um teclado de computador. Renata disse que a gravação foi feita na frente de pacientes e outros profissionais da saúde. Ela contou que ao final do vídeo várias pessoas sorriram e aplaudiram.

"Alguns levantaram. Animou muito os pacientes. Teve uma mulher que caiu na gargalhada disse que melhorou a noite dela", disse a enfermeira.

Desde o começo da pandemia Renata trabalha na linha de frente contra a doença. Com 18 anos de profissão, a enfermeira conta que sempre usa o bom humor para animar os colegas.

Ela afirma que, apesar dos desafios e tristezas, a animação, positividade e leveza podem ser aliados em tratamentos intensivos.

Pandemia no Tocantins O boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta sexta-feira (4) mostra que o Tocantins já registrou 181.469 casos de coronavírus e 2.925 óbitos pela doença. As cidades mais afetadas são Palmas, Araguaína e Gurupi.

Segundo o Vacinômetro, página que monitora a imunização no Tocantins, o estado já recebeu 638.870 doses de vacinas do Ministério da Saúde, sendo que 560.578 foram distribuídas aos municípios e 407.953 foram aplicadas.

São 276.767 aplicações referentes à primeira dose e 131.186 da segunda dose da vacina. Os dados foram atualizados no fim da tarde desta sexta-feira (4).


Fonte: G1

17 visualizações0 comentário