Opinião do especialista | Médico alerta para o cuidado com saúde mental na prevenção ao suicídio



A cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio no mundo, segundo informações da Organização Mundial da Saúde (OMS). Os dados alarmantes foram um dos motivos para a criação do Setembro Amarelo, uma campanha que tem como objetivo o combate a uma das principais causas de mortalidade no Brasil e fora. A OMS calcula que, aproximadamente, um milhão de casos de mortes por suicídio são registrados por ano.


O Portal Saúde Agora perguntou a opinião do médico especialista em Psiquiatria Dr. Leonardo Jaime Fleury Rocha Lima sobre os cuidados e a prevenção necessária às tendências suicidas e o correto tratamento para elas. Confira a opinião do especialista:


Portal Saúde Agora: O que são e como podemos identificar tendências suicidas?


Dr. Leonardo Jaime: Uma grande parcela dos indivíduos que procuram atendimento psicológico e psiquiátrico não estão totalmente relacionados ao suicídio. Em muitos casos, os pacientes negam a intenção de se matar. Como identificar ? Por isso a importância de avaliarmos as tendências suicídas.


Uma grande parcela das pessoas com tendências suicídas se mostram através de desesperança, sentimentos de culpa, vontade de dormir e não acordar, pensamentos de ruína, comportamento impulsivo e agressivo, falta de perspectiva para o futuro bem como alterações no humor.


Portal Saúde Agora: A terapia é importante para esse tipo de transtorno?


Dr. Leonardo Jaime: A terapia é de fundamental importância para a ideação suicida bem como para aqueles que já tentaram o auto-extermínio. A terapia é importante para ajudar o paciente a lidar com as dificuldades enfrentadas. A terapia cognitiva-comportamental é uma das técnicas utilizadas com grande resolução.


Portal Saúde Agora: Como a pandemia influencia as tendências suicidas nas pessoas?


Dr. Leonardo Jaime: A pandemia pode influenciar as tendências suicídas no sentido de que já não há mais caminho a percorrer, na dor da perda de seus entes queridos, isolamento social e familiar, alteração na rotina diária, perda de emprego.


Portal Saúde Agora: Quando devemos buscar ajuda de um médico?


Dr. Leonardo Jaime: Devemos buscar ajuda de um médico não só nas tendências suicídas, mas também nas ideações e tentativas. Em muitos casos a internação psiquiátrica é muito importante.


*Caso precise de ajuda imediata, procure o Centro de Valorização da Vida (CVV) no telefone 188.


Siga o Portal Saúde Agora no Instagram e Facebook!

11 visualizações

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Instagram