Médico é afastado após pacientes relatarem embriaguez e uso de drogas

Um médico do pronto atendimento do Hospital Municipal de Itapira (SP) foi afastado do cargo depois que pacientes relataram que o profissional estava trabalhando embriagado e sob efeito de drogas na madrugada desta segunda-feira (27).

Segundo a Prefeitura, os pacientes que esperavam no hospital foram atendidos por outro profissional que estava de plantão.

Os pacientes chamaram a polícia e um boletim de ocorrência foi registrado. O médico foi suspenso por 90 dias ou até que o caso seja investigado e os fatos apurados.

Em nota, a administração municipal lamentou o ocorrido e disse que o médico já responde a um processo administrativo disciplinar por má conduta profissional. Ele ainda não tinha sido afastado, porque sua atuação não apresentava riscos à saúde da população. Os relatórios foram encaminhados à Comissão de Ética Médica.

Fonte: G1

#afastamento #drogas #embriaguez

1 visualização0 comentário