Irmã defende médico preso em rinha de cães em Mariporã (SP)

Na tarde desta quarta-feira (18/12), a postagem foi excluída pela dermatologista – Foto: Reprodução/Facebook

A irmã do médico Leônidas Bueno Fernandes Filho, que foi preso suspeito de participar de uma rinha de cães em São Paulo, no município de Mairiporã, se pronunciou no Facebook, em defesa dele, detido no sábado (14/12), e liberado na segunda-feira (16/12), após pagamento de fiança de 60 salários mínimos, o equivalente a  R$ 59.880. 

A dermatologista Lana Bezerra expressou indignação sobre o ocorrido, na postagem, se mostrando contrária aos crimes, mas dizendo que o julgamento do irmão está sendo feito por meio de matérias sensacionalistas.

No texto, ela pede que as pessoas julguem pelos fatos. “Pense um pouco, a família está arrasada… maioria das pessoas que condenam, julgam… nunca fizeram nada aos animais!”, diz Lana.   

Lana mais uma vez afirma que o irmão não estaria envolvido nos crimes. Segundo ela, o médico adestrava os cães para apresentação em eventos legais. “Ele estava no local errado e acabou colocando todo mundo no mesmo balaio infelizmente”, completa.  

 Na tarde desta quarta-feira (18/12), a postagem foi excluída pela dermatologista.  Leônidas e mais 40 pessoas foram detidas no último sábado (14/12), mas após audiência de custódia, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) soltou o médico, na segunda-feira (16/12), com outros 39 dos 41 presos em flagrante na ação da Polícia Civil do Paraná.

Fonte: Correio Braziliense

#Irmã #médico #rinhadecães

1 visualização

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Facebook
  • Instagram