Homem esfaqueado recusa socorro médico e morre

Um homem de 24 anos morreu após ser esfaqueado perto do ombro durante uma discussão em uma rua de Candeias do Jamari (RO). Segundo o registro policial, a vítima recusou socorro médico, mas sofreu uma parada cardiorrespiratória em uma unidade hospitalar da cidade e não resistiu. O caso aconteceu no último domingo (5).

O suspeito, que fugiu logo após o ataque, foi preso por homicídio doloso e levado à Central de Flagrantes de Porto Velho.

Conforme o boletim, o médico plantonista de uma unidade de saúde de Candeias acionou a Polícia Militar (PM) para informar a morte do jovem. O rapaz foi encaminhado ao posto pelo Corpo de Bombeiros com uma perfuração de dois centímetros no peitoral.

De acordo com a ocorrência, os profissionais do posto realizaram o procedimento de estabilização e informaram que o homem deveria ser encaminhado ao Hospital e Pronto Socorro João Paulo II para avaliação cirúrgica, mas ele negou o atendimento.

Por volta das 21h, a vítima teve uma parada cardiorrespiratória e a equipe da unidade realizou os procedimentos médicos para tentar reanimá-la. Porém, não resistiu.

Os policiais foram até o local onde aconteceu a discussão e conseguiram localizar uma testemunha, que disse ter presenciado o momento da briga. Segundo ela, o suspeito golpeou a vítima com uma faca de serra e fugiu na sequência.

A testemunha contou ainda que a vítima era dependente química e estava em situação de rua, fazendo bicos na rodoviária de Candeias.

A PM conseguiu identificar o suspeito, que recebeu voz de prisão por homicídio doloso e foi encaminhado à Central de Flagrantes.

Fonte: G1

#esfaqueado #homem #recusa #socorromédico

2 visualizações

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Facebook
  • Instagram