Homem diz que levou soco no olho por não usar máscara em posto de saúde em Campo Grande



Oswaldo Ferreirra Benites Junior disse que foi agredido com um soco no olho por não usar máscara, dentro de uma Unidade Básica da Saúde da Família (UBSF) em Campo Grande, nesta quinta-feira (4). Após a agressão, o homem registrou boletim de ocorrência e alegou que estava sem máscara pois possui alergia ao tecido do objeto.


Segundo informações do boletim de ocorrência, Oswaldo estava argumentando com a gerente de saúde da UBSF sobre o não uso da máscara. A mulher pediu para que ele colocasse o utensílio de proteção. Segundo Oswaldo, ele estava tentando explicar que possui alergia ao tecido da máscara, e por ter atestado médico que dispensa o uso, estava sem o aparato.

Em nota, a secretaria municipal de Saúde disse que Oswaldo estava agredindo verbalmente a servidora, e por isso, uma pessoa que estava na unidade teria se incomodado com a situação e se dirigiu na direção de Oswaldo, e ao questioná-lo sobre a atitude, deferiu os socos.

Em nota, a secretaria municipal de Saúde disse que está acompanhando o caso. " A informação é de que realmente o paciente foi buscar atendimento na unidade durante a tarde sem o uso de máscara e ao ser questionado por uma servidora passou a agredir verbalmente a equipe, sob argumento de que ele não precisava fazer o uso do item de proteção, contrariando o decreto municipal que determina a obrigatoriedade do uso de máscaras em estabelecimentos públicos do município".

Fonte: G1 "Cabe esclarecer que as unidades de saúde são locais que recebem centenas de pacientes com as mais variadas patologias e, diante de uma pandemia de uma doença respiratória e altamente transmissível, é necessário cumprir todas as regras estipuladas, do contrário pode ocorrer riscos à saúde coletiva", alerta em nota a Sesau. A Guarda Civil Metropolitana (GCM) chegou a ser acionada, mas Oswaldo já havia se retirado da unidade. Como o agredido, a gerente da UBSF compareceu à delegacia para registrar boletim de ocorrência sobre a situação.

5 visualizações0 comentário