Falsos remédios que prometem 'imunidade contra coronavírus' são comercializados em Londres



Segundo apuração da BBC do Reino Unido, algumas lojas em Londres estão vendendo falsos remédios que se dizem “impulsionadores da imunidade contra a Covid-19". Um deles, o Coronil, feito à base de ervas da Índia, é comercializado normalmente em áreas predominantemente asiáticas da capital da Inglaterra.


De acordo com seu fabricante, o medicamento, da companhia Patanjali Ayurved, protege contra “infecções do trato respiratório”. Entretanto, testes clínicos mostram que o comprimido não oferece proteção alguma contra o coronavírus.


Conforme explicado pela BBC, a virologista Maitreyi Shivkumar disse que o conceito de “aumentar” a imunidade não faz sentindo em termos de tratamento contra a Covid-19.


“Existem muitas nuances em como nosso sistema imunológico responde ao vírus. Nós nem sabemos se o aumento da imunidade ajuda”, explica. "Não está claro o que Coronil faz com o sistema imunológico”.


Vale ressaltar que, segundo as regras de publicidade do Reino Unido, as referências à Covid-19 e ao “aumento de imunidade” são proibidos em medicamentos. Tal alegação só pode ser feita caso um produto seja licenciado pela Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA), o que não é o caso do medicamento em questão.


Em junho, o fundador do Patanjali Ayurved, Baba Ramdev, afirmou que o Coronil havia curado pacientes com Covid-19."Nosso medicamento resultou em 69% dos pacientes com coronavírus com teste negativo após três dias e 100% após sete dias".


Agora, a empresa retirou a alegação de que o medicamento fosse um combatente da Covid-19. De acordo com a Full Fact, uma organização independente de verificação de fatos, "informações incorretas como essa podem causar danos à saúde e às finanças das pessoas".


Fonte: Aventuras na História

3 visualizações0 comentário

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Instagram