DF: Laudo médico conclui que mulher de personal trainer sofre de transtorno bipolar



Um laudo feito por médicos do Hospital Universitário de Brasília concluiu que Sandra Mara Fernandes, de 33 anos, apresenta sinais de “transtorno afetivo bipolar em fase maníaca psicótica”. Ela foi internada após ser flagrada pelo marido, o personal trainer Eduardo Alves de Sousa, 31, tendo relações sexuais com o sem-teto Givaldo Alves, 48, no último dia 9, em Planaltina (DF). As informações são do O Globo.


“Seria leviano a gente antecipar qualquer tese. Nós confiamos no trabalho da polícia. É uma análise multidisciplinar. Nossa atuação é humanizada, graças a Deus. Em torno da violência sexual, há uma órbita de teses que podem ser exploradas, um aspecto por si só não pode tratado como palavras ao vento”, relatou a advogada Auricélia Vieira de Souza após a conclusão do laudo.


Ela também informou que o documento atendeu tanto os parâmetros médicos quanto os jurídicos.


Na quinta-feira (24), a Justiça do Distrito Federal deu um prazo de 15 dias para que Eduardo apresentasse um laudo que comprovasse o estado de saúde de sua esposa.


No relatório, os médicos detalharam que Sandra deu entrada no hospital psiquiátrico com alucinações auditivas, delírios, hipertimia (alteração de humor), falso reconhecimento e comportamentos desorganizados.


Eles também ressaltaram que a paciente apresentou um comportamento com “gastos excessivos, doação de seus pertences, resistência em se vestir e hiperreligiosidade”.


A advogada explicou que Sandra permanece internada e não há previsão de alta.

“O Eduardo não tinha conhecimento dos problemas de saúde dela até então. Ele só fica sabendo quando aconteceu o episódio. Naquele momento, ao encontrá-la, ele percebe que a Sandra, que agia de forma muito diferente, estava em choque. Ela não apresentava mais pensamentos organizados. Naquele dia, até então, tinha cumprido todas as suas funções normais como dona de casa e mãe. Levou a filha na escola, foi ao dentista, trabalhou em sua loja de roupas”, completou.


No entanto, os médicos investigam se houve possíveis manifestações do transtorno antes do episódio com o sem-teto.


Notícia-crime feita pelo pai de Sandra


Na sexta-feira (25), o pai de Sandra registrou uma notícia crime na 16ª Delegacia de Polícia (DP) contra Givaldo pelo crime de difamação. Isso ocorreu após o vazamento um trecho da entrevista que ele concedeu à Band TV no qual deu detalhes sobre o ato sexual.


Fonte: IstoÉ

32 visualizações0 comentário