top of page

Confira 5 sinais de que você está bebendo água de forma errada


 
 

Beber bastante água é uma dica de saúde que ninguém contesta. O líquido nos mantém hidratados, promove o bom funcionamento do corpo, auxilia no transporte de oxigênio e ajuda órgãos e articulações a cumprirem suas funções de maneira melhor.


No entanto, há algumas dicas preciosas sobre o consumo do líquido. Especialistas ensinam que é importante dosar a quantidade e também os momentos no qual a água é ingerida – o excesso, por exemplo, pode prejudicar o funcionamento do aparelho urinário. Confira algumas dicas sobre o assunto:


1. Beber água em excesso


Muitos acreditam que quanto mais água se bebe, melhor. No entanto, a ingestão requer mais atividade da bexiga, o que pode não ser tão benéfico assim.


Em entrevista ao The Sun, o obstetra e ginecologista Stergios Stelios Doumouchtsis afirmou que, além de sobrecarregar a bexiga, beber água demais pode causar hiponatremia – ocorre quando os níveis de sódio no sangue caem perigosamente, causando náuseas, dores de cabeça, confusão mental, convulsões e até coma.


De acordo com Doumouchtsis, o ideal é tomar um volume total entre 1,5 e dois litros por dia.


2. Beber muita água antes de dormir


Tomar muita água antes de dormir atrapalha o sono, pois você terá que acordar para esvaziar a bexiga. As consequências de uma noite ruim são bem conhecidas: mal humor, irritação e dificuldade para se concentrar.


Quando noites assim se repetem, há vários prejuízos para o corpo, entre eles maior risco de desenvolver doenças cardiovasculares, câncer, diabetes e depressão.


A recomendação dos especialistas é diminuir a ingestão de líquidos cerca de três horas antes de dormir.


3. Não beber água ao consumir bebidas alcóolicas


Após uma noite de muitos drinques, não adianta beber água somente no dia seguinte. É importante acrescentar água entre as bebidas alcóolicas, para evitar a ressaca e também problemas cardíacos.


Segundo a cardiologista Suzanne Steinbaum, consumir muito álcool ou beber diariamente pode levar à fibrilação atrial – um tipo de arritmia cardíaca.

“Se sua frequência cardíaca aumenta depois de beber, é mais provável que seja devido à desidratação. Para ajudar a combater isso, certifique-se de se manter adequadamente hidratado ao consumir álcool”, afirmou Steinbaum ao portal Well and Good.

4. Esquecer de beber água ao acordar


Começar o dia com um grande copo de água é indispensável para acordar o corpo e seus órgãos.


Os nutricionistas recomendam o hábito para combater o inchaço, ganhar mais energia e diminuir o apetite.


5. Não beber água quando está cansado

Se você está se sentindo cansado e com a cabeça confusa durante o dia, experimente tomar um copo de água para recuperar a energia. Cerca de 80% do seu cérebro é formado por água, então se manter hidratado é uma boa maneira para deixá-lo azeitado.

“Se você está desidratado, suas reações podem ser mais lentas. Isso pode deixá-lo mais confuso do que o normal e afetar sua concentração. É melhor ter sempre um copo de água à sua frente e ir bebendo ao longo do dia para permanecer afiado”, explicou o médico Martin Kinsella, especialista em envelhecimento com qualidade ao The Sun.


Fonte: Metrópoles

13 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page