Bebê que precisava de cirurgia do coração se recupera em hospital em MT após procedimento em SP



O bebê de dois meses, Heitor Guilherme Barbosa de Almeida, que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica do Hospital Santa Casa, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, esperando por uma cirurgia no coração e passou pelo procedimento nessa quarta-feira (20) em um hospital em São Paulo, já está de volta em Mato Grosso e se recupera.


O bebê foi levado de volta para Rondonópolis por uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea.


Ele vai ficar na cidade por 21 dias, pra continuar a recuperação no Hospital Santa Casa. Nesse período, Heitor vai ficar sob os cuidados da avó e depois volta para Sinop, no norte do estado, onde moram os pais dele.

Heitor nasceu com uma cardiopatia congênita e precisava passar pelo procedimento cirúrgico que só é feito em dois hospitais do país e custa, em média, R$ 187 mil.

O pai do menino, Dener Alves de Almeida, informou que a criança teve que passar por um teste de Covid-19 antes da transferência.

Heitor tem uma doença em que há uma anormalidade da estrutura e na função do coração desde o nascimento. A família conta que notou que algo não estava certo quando a mãe ia amamentar o filho. No dia 3 de janeiro, o bebê teve uma crise forte na casa dos pais, em Sinop. Assustados, eles correram com filho para a Unidade de Pronto Atendimento da cidade. Depois disso, tiveram que encaminhar o menino para outra unidade.

O bebê ficou internado na Santa Casa por oito dias, antes de ir para São Paulo, por UTI aérea.


Fonte: G1

5 visualizações0 comentário