'BBB21': Sarah se desculpa pelos comentários feitos sobre a pandemia no 'Mais Você'



Na manhã desta quarta-feira (31), Sarah participou do "Mais Você" e falou sobre sua saída do "BBB21".


A consultora de marketing digital deixou o reality show após receber 76,76% dos votos em um paredão contra Rodolffo e Juliette.

O nono paredão do "BBB21" entrou para a história do reality show. Com mais de 654 milhões de votos, ele se tornou o segundo com mais votos de todas as edições do Big Brother Brasil, ficando atrás apenas da berlinda entre Felipe Prior, Manu Gavassi e Mari Gonzalez no "BBB20".

Ana Maria iniciou a conversa perguntando se Sarah considerava que tinha perdido um pênalti, citando a fala de Tiago Leifert na eliminação. "Olha, tudo o que pensei ali, que vinha a minha mente, era realmente o que eu estava sentindo. Tentei ser fiel a meus sentimentos. Infelizmente julguei e desconfiei da pessoa errada. Por motivos que estava criando e fantasiando na minha cabeça. E hoje vejo isso", afirmou Sarah, citando os atritos com Juliette nas últimas semanas.

"A gente era um grupo muito unido, mas se eu não tivesse feito o que fiz, não estaria sendo verdadeira. Errei, mas foi tentando acertar."

A ex-BBB não segurou as lágrimas ao ver a reação de Gil com sua saída. "Só queria abraçar esse menino e falar: 'calma, que a culpa foi minha'. A única pessoa culpada foi eu. Esse menino é de ouro." Sarah ainda falou sobre a briga com Rodolffo após ser indicada pelo cantor sertanejo ao paredão. "Durante o jogo, sempre percebi que ele não estava tanto comigo como estava com ele", afirmou a ex-BBB, revelando ainda que seu maior choque foi com o voto de Caio.

"Foi um negócio que assim, senhor. Tinha como os outros votos irem pra Pocah, mesmo que fosse pra defender o Rodolffo. Não precisava ter ido em mim."

Ela voltou a se emocionar ao rever sua conversa com Rodolffo após as indicações ao paredão.

"Quando estou magoada, vou falando sem pensar. Eu achava delicado... a gente sabe que tudo é gravado, mas a gente não quer voltar aos assuntos. Naquele momento, eu estava com muito medo dele sair. Eu tinha certeza que ele ia sair."

"Só fui conversar por educação. Sabia que a gente não ia resolver, porque estava muito magoada. Quando estou com raiva, jogo palavras fortes, eu sei. Não podia ser boba de estar no paredão e falar coisas que virassem pra mim."

Ao final do programa, ainda disparou: "Neste momento, estou com rancor, não quero falar nem olhar na cara dele. Quem sabe daqui um mês passe." Distanciamento de Juliette Sarah ainda falou sobre o distanciamento de Juliette, de quem foi aliada no início do jogo, mas com o tempo, foi se afastando.

"Eu vou dizer, que foi uma coisa que eu senti. Ela dava um jeito de rodear e voltar pra ela o assunto, dar um exemplo da vida dela. Pode ser o jeito dela, e julguei. Mas quando está dentro de um jogo, você acha que tudo é estratégia."

"Quando eu a via falando bonito e, de vez em quando, fazendo coisas que pessoas cultas, como ela é, que não batia com algumas atitudes que ela tinha... Não somava. Desconfiei."

"Posso ter sido errada, me desculpa se julguei. Hoje estou destruída, porque eu tinha que ter desconfiado de outras pessoas, não dela."

Em um jogo com Ana Maria Braga, ainda declarou: "Tive altos e baixo com ela ali. Hoje, eu vejo que errei, pesei a mão, da mesma maneira que pesei com Carla. E da mesma forma que fiz com Carla, vou reavaliar meus atos com a Juliette. Ela é uma menina maravilhosa." Pandemia Além de falar sobre o jogo, Sarah se desculpou pelos comentários feitos ao longo do jogo sobre a pandemia de coronavírus. Dentro da casa, a ex-sister chegou a declarar que esteve em várias festas e afirmou: "Não peguei covid porque Deus me ama". "Única coisa que devo fazer é pedir desculpas. Do fundo meu coração. Desculpa a todas as vítimas, famílias das vítimas." "Fui a festas regulamentadas, tudo o que fui, era regulamentado. Mas isso não tira meu erro. Só devo pedir desculpa."


Fonte: G1

5 visualizações0 comentário

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Instagram