top of page

Gêmeas siamesas são separadas após cirurgia de 25 horas, em São Paulo



As gêmeas siamesas Allana e Mariah, de 2 anos e 8 meses, foram separadas na manhã deste domingo (20/8), após passarem por uma cirurgia de 25 horas. O procedimento ocorreu no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP-USP), em São Paulo.


A cirurgia começou na manhã de sábado (19/8) e contou com o trabalho de, aproximadamente, 50 profissionais de diferentes áreas.


Liderada pelo professor Hélio Rubens Machado, a equipe de neurocirurgia fez a dissecção de cerca de 25% dos vasos sanguíneos que ainda ligavam as irmãs.


Os outros 75% haviam sido separados em três cirurgias anteriores, realizadas em 6 de agosto de 2022; em 19 de novembro último; e em março de 2023. Ao todo, Allana e Mariah passaram por cerca de 51 horas de operações, considerados os quatro procedimentos.


A equipe de cirurgia plástica, liderada pelo professor Jayme Farina Junior, ficou responsável pela cranioplastia, procedimento que fecha a calota craniana e a pele que recobre a cabeça de cada uma das meninas.


Allana e Mariah se recuperam na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Criança, onde são acompanhadas pelos pais, Talita e Vinicius Cestari.


Fonte: Metrópoles

9 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page