Anvisa identifica brasileiro com passagem pela África do Sul com Covid


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou, neste domingo (28/11), ter identificado um caso de Covid-19 de um passageiro com passagem pela África do Sul, país com foco da variante Ômicron do novo coronavírus. Ainda não há a confirmação sobre a relação do caso com a nova linhagem do vírus.


De acordo com a agência, o brasileiro desembarcou no aeroporto de Guarulhos no sábado (27/11), em um voo da Ethiopian Airlines. Ele foi colocado em isolamento e cumpre quarentena em casa.


“O passageiro em questão chegou ao Brasil com teste negativo, assintomático. No entanto, após sua chegada, a Anvisa foi informada às 21h12 do dia 27/11 sobre o resultado positivo de novo teste de RT-PCR, realizado pelo laboratório localizado no aeroporto de Guarulhos”, afirmou a Anvisa em nota.


O Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) e a Vigilância epidemiológica do Município de Guarulhos foram acionados e notificados pela agência ainda de madrugada para o acompanhamento do caso.

Restrições de voo

Em uma tentativa de conter a entrada da variante Ômicron no país, a Anvisa recomendou, no sábado (27/11), a proibição do desembarque de voos com origem ou passagem pela África do Sul, Botsuana, Reino de Essuatíni, Reino do Lesoto, República da Namíbia e República do Zimbábue.


No dia seguinte foram incluídos na lista: Angola, Malawi, Moçambique e Zâmbia.


Fonte: Metrópoles

5 visualizações0 comentário