Andando com carro do ano, pai corta plano de saúde e se nega a pagar pensão a filho doente

Há seis meses o pai vinha pagando apenas metade da pensão decidida na Justiça, R$ 300; agora, decidiu não pagar nada e tirou o plano de saúde do filho, que tem hanseníase.

A mãe de um adolescente de 13 anos, moradora do Bairro Porto, em Cuiabá, registrou um boletim de ocorrência contra o pai do menino depois que este ligou para o filho dizendo que não iria pagar a pensão dele e que em quatro anos passaria a não ajudá-lo em mais nada.

Conforme o boletim de ocorrência registrado pela mãe do garoto, os pais possuem um acordo judicial em que a guarda da criança é dela e o pai deveria pagar uma pensão de R$ 600.

Porém, há seis meses ele paga com atraso e somente metade do valor, R$ 300, alegando estar sem condições.

A mulher então pediu que o ex-companheiro acionasse a Justiça para relatar suas condições financeiras para legalizar a pensão, mas ele se negou a fazer isso.

À polícia, a mulher relatou que apesar de dizer que não tem condições de pagar a pensão, o pai do adolescente anda com “carro do ano”, paga colégio particular para os outros filhos e renega somente o filho que tem com ela.

A mãe contou, ainda, que o adolescente tem hanseníase, mas até mesmo o plano de saúde dele foi cancelado pelo pai e, por isso – e também pela ligação do acusado dizendo que agora não pagaria nem mesmo a meia-pensão -, ela resolveu procurar a polícia e denunciá-lo.

O caso, a princípio, foi registrado como ocorrências atípicas e será investigado pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica) de Cuiabá.

#Doente #filho #Pai #planosdesaúde

1 visualização

© 2020 Portal Saúde Agora. Tudo sobre SAÚDE em um só lugar!

  • Facebook
  • Instagram