top of page

Almoço na academia e treino diário: a nova rotina que transformou o corpo de Rafael Vitti



Há uma década na televisão, o ator Rafael Vitti, saiu da adolescência e entrou na vida adulta cercado de olhares do país. Ele se tornou pai de Clara Maria, que completará 4 anos no próximo dia 23, fruto de seu relacionamento com a atriz e apresentadora Tatá Werneck.

Há 6 meses, pouco antes de completar 28 anos, ele percebeu que seu metabolismo não era mais como antes. Não podia mais devorar uma pizza inteira, três lanches no fast food, como de costume, mantendo o corpo magro de sempre. Além do desconforto físico, um convite para a novela das nove da Rede Globo, “Terra e Paixão”, foram a virada que ele precisava para mudar de vida e adotar um estilo de vida mais saudável.

A rotina é severa. Trocou frituras, doces e frangos empanados, por rúcula, beterraba, alface e grão de bico. Faz academia todos os dias da semana, além de jogar futebol, fazer trilhas e praticar surfe. Em entrevista ao GLOBO, ele conta que em seis meses de treino e dieta, perdeu 4% de gordura corporal, ganhou 2 quilos de massa magra e conseguiu manter o peso na casa dos 80 quilos.

— Estava me sentindo largado e sem uma boa nutrição. Quando me chamaram para fazer a novela das nove, senti que não estava com o corpo que eles queriam para o papel, estava barrigudinho, insatisfeito comigo e me sentindo pouco saudável. Agora cheguei em um lugar que está maneiro, quero manter apenas — diz o ator.

Segundo o artista, a nova rotina o ajudou a vencer as dores nos joelhos e ombros, disposição para trabalhar, jogar bola, o condicionamento físico e até mesmo a intimidade com Tatá Werneck.

Confira a entrevista a seguir:

O que fez você entrar na academia e começar a fazer dieta?

Eu sou jovem, vou completar 28 anos, mas não tão mais jovem como antes e comecei a sentir uma diferença no meu metabolismo. Antes podia comer o que quisesse. Sempre fui de comer muito e não engordava. Chegava em casa, pedia uma pizza e comia ela inteira, comia três lanches de fast food, frangos empanados, muita fritura. São comidas que eu amo. Com o nascimento da minha filha não foi diferente, porque não tem como fugir das festas de crianças aos finais de semana, então era coxinha, bolinha de queijo e refrigerante todos os dias. Estava me sentindo largado e sem uma boa nutrição. Quando me chamaram para fazer a novela das nove, “Terra e Paixão”, senti que não estava com o corpo que eles queriam para o papel, estava barrigudinho, insatisfeito comigo e me sentindo pouco saudável, então a minha insatisfação com o corpo e essa oportunidade de trabalho foram os grandes pontapés para mudar meus hábitos.

Quais foram as principais mudanças no seu corpo nos últimos meses?

Antes, eu falava que não podia fazer academia por conta de uma dor no ombro muito forte que eu sentia, mas era apenas desculpa, porque eu consegui, nesses seis meses que estou treinando forte, fortalecer meu ombro e eu não sinto mais ela. O corpo humano precisa de musculação, para fortalecer os ossos, a musculatura. Eu antes tinha total preconceito contra a academia, achava que não me encaixaria naquele local, que eu era da natureza, das trilhas, mas uma coisa não inviabiliza a outra. Você pode fazer trilha, gostar de natureza e fazer musculação. Se você tiver comprometimento é uma maneira de você envelhecer com saúde. Melhora sua sanidade, autoestima, é um exercício para a mente, bem-estar. Estou me sentindo muito bem. Quando estava na novela “Além da Ilusão”, pesava 71 quilos. Quando comecei a mudar de estilo, há seis meses, estava com 83. Hoje, perdi 4% de gordura (estava com 17 e fui para 14), ganhei dois quilos de massa magra, além de manter meu peso. Hoje estou com 81 quilos, mas com menos gordura e mais massa magra. Consigo jogar a minha filha para cima e não sentir que está ficando difícil. Posso correr com ela pela casa sem me cansar tão facilmente. Priorizei o meu sono e isso está me fazendo muito bem. Me mudou completamente.

Quais hábitos alimentares que você sente falta?

Nos primeiros dois meses da dieta restringi a tudo o que eu gostava. Cortei refrigerante, doces e frituras. Deixei a pizza, os hamburgueres e os chocolates de lado para comer comida de verdade. Eu sou o homem do arroz, feijão, ovo, uma carne e batata frita, sabe? Mas não comia verdura, legumes, nada disso. Então comecei a comer. Almoço na academia, porque tem um buffet saudável lá que é bem gostoso. Então agora como legumes, verduras, não dispenso o arroz e feijão, mas comecei a comer grão de bico, por exemplo, que era algo que nunca havia experimentado. Agora meu prato é colorido. Tem muita beterraba, inhame, rúcula e alface. Não sou muito de tomar café da manhã, porque gostava de ter mais um tempinho na cama quando era mais jovem. Então eu treino em jejum. Acordo, tomo um café com leite desnatado e vou para a academia.

Como é sua rotina de exercícios?

Antes eu era mais chato, não viajava para não perder um treino, ou não fazia algo com medo de não ter tempo de ir para a academia. Agora baixou um pouco essa curva e bateu a preguiça, mas tento ir todos os dias para a academia. Tenho um dia de descanso, mas sei que se eu não for um dia, posso me sabotar e não ir dois ou três, então tento ir todos os dias. Treino um grupo do corpo por dia. Então por exemplo, em um dia faço ombro, no outro costas, peito, tríceps e bíceps, abdominal, e pelo menos de duas a três vezes por semana faço um cárdio mais pesado. Corro na esteira, ando na bicicleta, algo assim. Mas comecei a amar ir para a academia, porque foi um compromisso que eu combinei comigo mesmo e eu nunca fui bom em cumprir direito as coisas.


Falava que faria e depois de um tempo deixava de fazer. Saio de lá com dopamina lá em cima, disposto para trabalhar, mudou minha disposição para jogar bola, meu condicionamento físico. Minhas dores nos ombros e joelhos passaram. Hoje eu sei que é bom suar. Estou me sentindo dono de mim, sinto que estou incentivando bastante pessoas, meus amigos mais próximos e até a minha família.

A Tatá Werneck, sua mulher, também estava indo para a academia e postava seus resultados nas redes sociais. Ela te incentivou a fazer exercícios?

Bastante. Como agora ela está com a rotina de gravações da novela, ela não consegue mais ir como antigamente, mas ela chegava em casa e ficava me perguntando: “tô forte?”, “tá bom, Rafa?”. Ela é super focada e obstinada nas coisas, quando descobriu que a personagem dela seria uma hot girl, e que teria que ficar de lingerie, ela começou a se preparar e preparar o corpo dela. Eu estava fazendo muito surfe, mas senti que precisava fortalecer meu corpo e aí decidi entrar junto. Hoje sou eu que chego em casa e falo: “Tatá, minha perna está mais forte?”, “como que eu estou?”, ela vira e fala: “Não vai começar né, Rafa?”, mas é tudo na brincadeira. Nos damos muito bem. Eu também incentivei meus pais e meu irmão a entrarem na academia.


Minha mãe vai fazer a inscrição essa semana, meu irmão já perdeu 10 quilos fazendo os exercícios dele. Eu falo para todo mundo que é um exercício de fortalecimento para o futuro. É como você quer envelhecer, com ou sem saúde? Com o seu corpo fortalecido, joelhos e pernas fortes. É necessário fazer exercícios hoje para poder subir uma escada no futuro com mais firmeza.

Qual é a parte da nova rotina mais difícil para seguir?

Como eu tinha uma questão com a alimentação, a parte mais difícil foi a dieta. Mas hoje já sou da tabela nutricional e fico vendo a quantidade de sódio e açúcar dos alimentos. O treino é mais tranquilo. Já passei pela fase do sofrimento. E faço surfe, jogo futebol e faço trilha também, então não foi algo muito difícil. Dormir também é um pouco complicado, porque minha filha pede para eu dormir com ela as vezes, então não é um sono de descanso. Uma coisa que eu não sou muito de fazer é tirar foto no espelho para mostrar o resultado. Tenho muita vergonha.

Seu colega de novela, Cauã Reymond, posta algumas fotos no espelho pós academia...

Mas se eu tivesse o corpo do Cauã também postaria foto todos os dias nas redes sociais, poxa! Mas brincadeiras à parte, estou há seis meses treinando forte, se não puder compartilhar uma foto dos meus resultados e de como estou me sentindo bem e com saúde, seria muito ruim, não é mesmo? Mudar a alimentação e aumentar a atividade física melhorou minha disposição geral, não há dúvidas. E acredito que o meu desempenho melhorou também, sexual inclusive. A testosterona aumentou mais ainda. Poxa, eu corro uma hora na esteira direto, tem que ter benefícios. Houve um upgrade, podemos dizer. Estamos muito felizes.


Fonte: O Globo

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page