Alemanha registra mais de 50 mil novos casos de Covid pela 1ª vez na pandemia


A Alemanha registrou nesta quinta-feira (11) o maior número de casos diários de Covid-19 desde o início da pandemia, com 50.196 novas infecções em 24 horas.


É a primeira vez que o país ultrapassa a marca de 50 mil casos em um único dia. O recorde anterior havia sido de 45.333 novas infecções registradas em 7 de janeiro. A Europa vem sendo atingida por uma quarta onda de Covid-19 que está começando a pressionar hospitais em vários países, inclusive a Alemanha. Mas, devido à vacinação, o número de mortes não tem crescido na mesma proporção (69% dos alemães receberam ao menos uma dose e 66% estão completamente imunizados).

O Instituto de Vigilância Sanitária Robert Koch também registrou 235 mortes nas últimas 24 horas, patamar ainda muito abaixo do recorde de 1.734 vítimas do vírus, atingido em 19 de janeiro.

Mesmo assim, a chanceler Angela Merkel disse na quarta-feira (10) que o aumento nas infecções no país é "dramático". “A pandemia volta a alastrar-se de forma espetacular”, lamentou o seu porta-voz.

Ele pediu às autoridades regionais que tomem novas medidas para conter a proliferação do vírus (na Alemanha, os governos locais são os responsáveis adotar restrições). Restrições a não vacinados Vários estados que estão sendo bastante afetados pela nova onda de contágios, como Saxônia, Baviera e recentemente Berlim, introduziram novas restrições para pessoas não vacinadas. Na capital Berlim, os não vacinados não terão acesso a restaurantes sem espaços a céu aberto, bares, ginásios ou cabeleireiros, nem mesmo se apresentarem um teste negativo de Covid-19. Um dos países mais populosos da Europa, com 83 milhões de habitantes, a Alemanha já registrou mais de 4,9 milhões de casos confirmados e 97,2 mil mortes por Covid-19 desde o início da pandemia.


Fonte: G1

4 visualizações0 comentário