Afinal, a máscara de proteção contra Covid causa mau hálito?


A pandemia do novo coronavírus fez com que o uso de máscaras se tornasse parte da rotina, assim como a higiene das mãos com álcool em gel e a manutenção do distanciamento social. Com o ‘tira e põe’ de máscaras várias vezes ao dia, algumas pessoas perceberam que estavam com mau hálito e atribuíram a causa ao item de proteção.


Se você está passando por isso, precisa saber que a culpa não é da máscara. A cirurgiã dentista Vanessa Rios explica que o item de proteção não provoca nem mau hálito e nem halitose, que é a forma crônica da doença. De acordo com ela, fazer a associação entre o uso de máscara e o mau cheiro na boca é fugir das reais causas do problema.

“A falta de higienização adequada da boca é que causa o mau hálito. Na pandemia, muitas pessoas abandonaram o costume de fazer uma higienização completa da cavidade oral, aí é que está o problema”, aponta Rios.

A dentista acrescenta que a higiene bucal após as refeições é obrigatória para a saúde bucal e o ritual deve incluir escovação dos dentes, uso do fio dental e limpeza da língua.


Causas e sintomas

O mau hálito é um odor desagradável que, geralmente, é sentido quando a pessoa exala o ar. Além de dificuldades na higiene bucal, o problema também pode estar associado a patologias do aparelho digestivo ou a hábitos, como o tabagismo e o consumo de bebidas alcoólicas.


A halitose é o mau hálito crônico e está relacionada à formação e acumulação de placa bacteriana, nos dentes, língua ou gengiva.


Segundo a Associação Americana de Odontologia, a causa mais comum do mau hálito é o acúmulo de restos de comida que ficam na boca após uma refeição favorecendo a proliferação de bactérias. Outro fator, segundo a entidade, é a má escovação dos dentes, sem o uso do fio dental e a limpeza da língua.

O mau hálito também pode ser causado por infecções respiratórias, inflamações dos seios nasais, pulmões e garganta e doenças como amigdalite crônica, refluxo gastroesofágico, diabetes mal controlada, problemas renais ou hepáticos e até alguns tipos de câncer.


Diminuindo o mau cheiro

Os dentistas sugerem ainda que mesmo que não tenham nenhuma doença diagnosticada, os pacientes devem procurar um especialista, caso o desconforto perdure. Porém, alguns truques podem diminuir o mau hálito, mesmo de máscara.


• Diminua o consumo de certos alimentos (como alho, cebola, fritos), café e refrigerantes; • Beba bastante água; • Coma em menos quantidade e várias vezes ao dia.


Fonte: Metrópoles

1 visualização0 comentário