top of page

A posição do Brasil no ranking dos países mais gulosos do mundo



O excesso de peso é uma epidemia mundial e, atualmente, são raros os países cuja maioria da população está livre de obesidade e sobrepeso. A organização OurWorldInData, ligada à Universidade de Oxford, organizou uma lista de acordo com a média de calorias consumidas por dia em diferentes países.


Segundo o levantamento, os moradores do Bahrein, localizado no Golfo Pérsico, são os que têm a dieta mais calórica do mundo. Lá as refeições diárias somam 4.012 calorias por dia. Os Estados Unidos estão na segunda posição: os norte-americanos consomem em média de 3.868 por dia.


O Brasil aparece na lista em 44° lugar, com a média de 3.333 calorias por dia.


A tabela aponta um salto grande de consumo calórico dos brasileiros nos últimos 20 anos. Dos anos 2.000 para cá, os brasileiros passaram a comer mais 476 quilocalorias por dia. É como se, de lá para cá, cada brasileiro tivesse incluído uma barra de chocolate de 90 gramas na alimentação diária.


Dos 184 países pesquisados para o levantamento, 173 consomem mais de duas mil calorias por dia. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estabelece que um indivíduo adulto saudável deve consumir entre 2.000 e 2.400 calorias por dia.


Os pesquisadores alertam que as calorias excessivas agravam a incidência da obesidade, que já atinge um bilhão de pessoas no mundo. No país árabe que está na liderança da tabela, quatro em cada 10 adultos são obesos.


Os dados compilados pela OurWorldInData foram baseados em informações da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO, sigla em inglês).


Obesidade


A obesidade é uma doença crônica, multifatorial e complexa. Ela não se desenvolve de um dia para o outro, como também não é resolvida assim. A ciência considera, inclusive, que não há cura para essa enfermidade.


Para ser considerada obesa, uma pessoa deve apresentar índice de massa corporal (IMC) acima de 30 kg/m². Para ser enquadrada como sobrepeso, o IMC precisa estar acima de 25 kg/m². Para fazer o cálculo do IMC, basta dividir o peso, em quilos, pelo quadrado da altura, em metros.


Países que menos consomem calorias


No outro extremo da tabela, encontram-se os países que menos calorias consomem. Cinco deles são países africanos e estão passando por graves conflitos sociais. A República Centro-Africana está na última colocação, 185º posição, com média de 1.642 calorias por dia.


Confira a parte de cima da lista de países:


  1. Bahrein 4.012;

  2. Estados Unidos 3.868;

  3. Irlanda 3.851;

  4. Bélgica 3.824;

  5. Turquia 3.762;

  6. Áustria 3.739;

  7. Alemanha 3.648;

  8. Itália 3.621;

  9. Catar 3.609;

  10. Romênia 3.600;

  11. França 3.582;

  12. Israel 3.570;

  13. Canadá 3.569;

  14. Polônia 3.539;

  15. Argélia 3.519;

  16. Luxemburgo 3.497;

  17. Portugal 3.489;

  18. Noruega 3.473;

  19. Montenegro 3.469;

  20. Holanda 3.460;

  21. Sérvia 3.460;

  22. Tunísia 3.449;

  23. Líbano 3.444;

  24. Dinamarca 3.433;

  25. Reino Unido 3.423;

  26. Moldávia 3.418;

  27. Rússia 3.414;

  28. Suíça 3.405;

  29. Islândia 3.405;

  30. Coreia do Sul 3.405;

  31. Austrália 3.399;

  32. Armênia 3.396;

  33. Kuwait 3.388;

  34. Tcheca 3.387;

  35. China 3.378;

  36. Cazaquistão 3.377;

  37. Marrocos 3.374;

  38. Finlândia 3.370;

  39. Omã 3.369;

  40. Azerbaijão 3.366;

  41. Lituânia 3.357;

  42. Argentina 3.350;

  43. Cuba 3.347;

  44. Brasil 3.333;

  45. Hungria 3.321;

  46. Albânia 3.314;

  47. Espanha 3.311;

  48. Bósnia e Herzegovina 3.310;

  49. Grécia 3.309;

  50. Butão 3.283;

  51. Emirados Árabes Unidos 3.276;

  52. Uzbequistão 3.269;

  53. Bielorrússia 3.250;

  54. México 3.248;

  55. Uruguai 3.246;

  56. Líbia 3.241;

  57. Geórgia 3.223;

  58. Letônia 3.210;

  59. Arábia Saudita 3.203;

  60. Hong Kong 3.197.

Confira a parte de baixo da tabela:

  1. Papua Nova Guiné 2.085;

  2. Coreia do Norte 2.070;

  3. Moçambique 2.053;

  4. República Democrática do Congo 1.996;

  5. Iêmen 1.958;

  6. Lesoto 1.922;

  7. Zimbábue 1.853;

  8. Madagascar 1.771;

  9. Burundi 1.697;

  10. República Centro-Africana 1.642.


Fonte: Metrópoles

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page