top of page

É possível reverter as olheiras? Especialistas mostram o que realmente funciona



Talvez esta rotina pareça familiar: você acorda, se olha no espelho e examina a pele escura e murcha sob seus olhos. Você parece exausto ou exausta, apesar de ter dormido bem. E talvez pareça mais velho do que é também.


As olheiras são uma das queixas de pele mais comuns, afirma Daniel Friedmann, dermatologista e diretor de pesquisa clínica da Westlake Dermatology em Austin, Texas. E elas são uma das coisas mais frustrantes de tratar.


Cremes e soros para os olhos que pretendem melhorar as olheiras podem ser caros. E a maioria não foi submetida a “nenhum teste laboratorial ou clínico realmente intensivo”, explica Friedmann, por isso frequentemente são ineficazes.


Como as olheiras podem ter várias causas e aparecer em diferentes tons – como roxo, azul, marrom ou preto – nem sempre existe uma solução única para se livrar delas. Mas alguns tratamentos podem ajudar.


Afinal, por que temos olheiras?


À medida que envelhecemos, a pele ao redor dos olhos fica mais fina e perde colágeno, de modo que os vasos sanguíneos abaixo podem aparecer, criando uma descoloração azulada sob os olhos, explica Friedmann.


Ao mesmo tempo, a pele e os músculos sob os olhos podem afrouxar, causando bolsas que lançam uma sombra escura, segundo Friedman.


As olheiras também são genéticas – é mais provável que você as tenha se outras pessoas da sua família tiverem — completa Ivy Lee, dermatologista em Pasadena, Califórnia. E o tom da pele desempenha um papel: pessoas com pele mais escura podem ser mais propensas a ter olheiras devido à pigmentação acastanhada sob os olhos.


As alergias também podem piorar temporariamente as olheiras, assim como a desidratação, o tabagismo, o sono insuficiente ou a mania de esfregar os olhos.


Os cremes podem ajudar?


Apesar das afirmações nas embalagens dos produtos ou nas propagandas, não há evidências científicas de que os produtos vendidos sem receita realmente eliminem as olheiras, avalia Ronald Moy, dermatologista e cirurgião plástico em Beverly Hills, Califórnia.

— Acho que nenhum deles funciona. Eu, pessoalmente, nunca vi nenhuma melhoria — afirma.


No entanto, Moy conduziu pesquisas sobre uma proteína em alguns produtos para a pele chamada fator de crescimento epidérmico, que estimula o crescimento celular na pele, e disse que o ingrediente demonstrou reduzir as bolsas sob os olhos quando aplicado topicamente. Moy disse que a substância também pode clarear as olheiras para um grau mediano.


Lee disse que outros cremes para os olhos e ingredientes de soro, como ácido hialurônico, antioxidantes ou cafeína, podem minimizar as olheiras, mas são apenas uma “solução rápida” e não vão eliminá-las permanentemente.


Por exemplo, disse ela, produtos com ingredientes hidratantes como ácido hialurônico, ceramidas ou vaselina, combinados com agentes clareadores como vitamina C e niacinamida, hidratam e preenchem a pele sob os olhos para que “os vasos sanguíneos subjacentes não sejam tão aparentes”.


Mas quaisquer melhorias que você observar serão apenas temporárias. E na maioria das vezes, você obteria os mesmos efeitos hidratantes com qualquer tipo de hidratante – não precisa necessariamente ser específico para olheiras.


Produtos de venda livre com retinol podem ajudar a melhorar a renovação das células e engrossar a pele, o que pode clarear temporariamente as olheiras, disse Friedmann. Melhor ainda, acrescenta Lee, são os retinóides tópicos prescritos, que podem funcionar melhor do que as versões vendidas sem receita.


Mas os produtos para olheiras podem variar de dezenas a centenas de reais. E gastar mais não produz melhores resultados. Normalmente não há diferença entre produtos de drogarias ou de alto padrão, a não ser “embalagens mais sofisticadas”, disse Lee. Moy acrescenta:

— É esperança em um potinho.


O que mais funciona?


Alguns tratamentos podem clarear as olheiras, evitar que piorem e, às vezes, eliminá-las completamente, dependendo da causa delas, disse Lee.


  • Lasers. Laser fracionado (também conhecido como Fraxel) pode remover qualquer descoloração acastanhada, descascando a camada pigmentada da pele, afirma Friedmann. Outros lasers, como o laser Nd:YAG, podem minimizar a descoloração roxa ou azul ao atingir os vasos sanguíneos, disse ele. E os lasers fracionados de dióxido de carbono podem minimizar o aparecimento de olheiras ao engrossar a pele sob os olhos.

  • Peelings. Peelings químicos regulares, usando retinol ou ácido glicólico, podem evitar que as olheiras piorem, disse Lee.

  • Microagulhamento. Este procedimento envolve furar a pele com pequenas agulhas para fazer pequenos ferimentos e estimular o processo de reparação da pele, desencadeando a produção de colágeno que pode apertar, aumentar e suavizar a textura da pele sob os olhos.

  • Preenchimentos. Preenchimentos de ácido hialurônico podem ser usados (às vezes em combinação com lasers) para aumentar o volume da pele sob os olhos, tornando as olheiras menos aparentes, disse Friedmann. No entanto, os preenchimentos podem representar certos riscos, como hematomas ou inchaço temporários.

  • Cirurgia. Os médicos podem remover o excesso de gordura e pele sob os olhos para ajudar nas olheiras causadas por bolsas sob os olhos. Mas a cirurgia é geralmente o último recurso para pacientes cujas olheiras não melhoraram com outros tratamentos.


Às vezes, uma combinação de tratamentos é a melhor abordagem, disse Friedmann. Você também pode precisar de muitos procedimentos e às vezes frequentes para ver os resultados.

E nem sempre é possível livrar-se delas completamente, especialmente se a sua pele apresenta sinais de envelhecimento, disse Friedmann.


Ele recomendou procurar tratamento o mais cedo possível, como aos 20 anos, em vez de esperar até os 40 anos ou mais, quando você tem menos colágeno para trabalhar.


Fonte: O Globo

3 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page